alfinete

por tam

Faz um tempo que meios devaneios se enclausuraram nos meus não sentires. De fato, não vinha sentindo; contudo, ante-ontem, uma alfinetada se pregou no meu peito. Pontiaguda, incomodou-me. Lembrei que sou e fui ser humano, apenas estou nisto que é inumano, até para mim. Cruel isto de sensibilidade cerceada.